Greve

A BR 155 que estava bloqueada pelos professores foi liberada às 18 horas

A Rodovia Federal 155 que estava interditada desde as 09:00h da manhã dessa terça-feira 22, pelos trabalhadores em educação de Xinguara foi liberada em definitivo as 18:00h.

DSC_0123 [1600x1200]Os professores e trabalhadores em educação em greve há 36 dias, por varias reivindicações, dentre elas o reajuste salarial de 10,4%, a Prefeitura só chegou aos 4%, alegando que está pagando acima do piso salarial nacional. Com tudo que aconteceu durante a greve os trabalhadores em educação apoiado pelo SINTEPP, Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará, decidiram em bloquear a Rodovia Federal 155 localizada no Sul do Estado do Pará. Os grevistas apresentavam seis reivindicações a serem atendidas pelo Governo Municipal de Xinguara, para que o manifesto terminasse.

As reivindicações:

1º Que o Prefeito assegure o direito de greve conforme os autos da lei, e cumpra com as decisões judiciais e, que seja retirada dos blogs e do mural da prefeitura a lista com a exposição de nomes dos grevistas.

2º Que sejam retiradas das mídias locais todas as propagandas falsas, mentirosas e caluniosas aos trabalhadores em educação. Que lutam por direitos dos trabalhadores e por escolas públicas de qualidade.

3º Que a mídia local, como blogs, TV Record, Rádio Xinguara e TV Liberal se retrate ao movimento grevista, uma vez que divulga notas e vinhetas sem se atentar com o fidedigno dos assuntos publicados, inclusive em carros de som nas Ruas de Xinguara.

4º Divulgação nas mídias locais, regionais e estaduais da greve dos trabalhadores em educação de Xinguara, tal qual pauta reivindicação da categoria.

5º Garantia da pauta de reivindicações.

6º Retração do Governo Municipal e do Secretario de Educação de todas as acusações e ações contra o movimento grevista.

Só que nem uma delas foi atendida, porque nem o Prefeito e nem um representante do Governo se manifestou para conversar com a classe grevista.

Momento em que a BR foi liberada em definitivo
Momento em que a BR foi liberada em definitivo

O movimento de greve cumpriu com o horário de liberação da Rodovia, a permanência dos trabalhadores mantendo o fechamento da BR foi rigorosamente até as 18:00h. Por diversas vezes os ânimos se exaltaram entre usuários da BR e grevistas, mas tudo terminou bem, o belicismo trabalho da Polícia Militar, sobre o comando do Major Keitson e do Tenente Lino comandante do GTO – Grupo Tático Operacional, a ordem foi mantida.

Os trabalhadores tiveram a cautela de manter o acordo que tinham com a Polícia, que era de que em cada duas horas o transito era libera por cinco minutos em cada sentido. Em algumas dessas liberações o tempo foi de 10 minutos.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo