A policial militar que fio atingida por uma motocicleta na frente do quartel de Ourilândia do Norte morreu em hospital de Redenção

A sargento da Policia Militar, Ana Cláudia da Silva Moreira, que foi atingida por uma moto que estava em alta velocidade por volta das 19 horas da última quinta-feira (05) de julho, entrou em óbito na madrugada desta sexta-feira 06, no Hospital Regional de Redenção, aonde estava internada.

O acidente aconteceu em frente o quartel da Polícia Militar de Ourilândia do Norte, quando a militar deixava o trabalho e seguia para sua residência após expediente no Fórum da cidade.

O condutor da moto, Samuel da Silva Santos, 19 anos, estava em alta velocidade e fazendo manobras perigosas (deitado sobre o banco) da moto Honda Fan, cor preta, placa JVE-8629.

Ana Cláudia sofreu fratura de maxilar, fratura exposta no fêmur esquerdo, fratura no fêmur direito e traumatismos craniano moderado. Ela foi atendida primeiro em um hospital de Ourilândia e depois transferida para o Hospital Regional de Redenção.

O jovem que pilotava a moto apresentou apenas escoriações e lesão na face. Ele está internado em um hospital de Ourilândia.

(Com informações da PM)

SEM COMENTÁRIO