Esporte

Acidente na BR-153 deixa quatro mortos e um ferido em Nova Olinda

Capotamento aconteceu na tarde desta terça-feira (17).
O motorista que teria provocado o acidente fugiu do local.

Carro onde estavam os três adultos e as duas crianças ficou destruído (Foto: Divulgação/PRF Araguaína)
Carro onde estavam os três adultos e as duas crianças ficou destruído (Foto: Divulgação/PRF Araguaína)

Quatro pessoas morreram e uma ficou gravemente ferida em um acidente na BR-153, na tarde desta terça-feira (17). Morreram no local, a motorista do carro, uma criança de 6 anos e João Batista Moraes da Silva, de 40 anos. A criança, de dois anos, chegou a ser encaminhada para o Hospital Regional de Araguaína, mas morreu na noite desta terça. A saúde da única sobrevivente, Tereza Paz Rocha, de 46 anos, é estável.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu no quilômetro 147, na entrada de Nova Olinda, na região norte do Tocantins. A polícia foi ao local para retirar o carro, que seguia de Goiânia em direção a Araguaína.

Segundo a PRF, motorista do outro carro teria fugido do local (Foto: Divulgação/PRF Araguaína)
Segundo a PRF, motorista do outro carro teria fugido do local (Foto: Divulgação/PRF Araguaína)

A PRF informou que as cinco pessoas estavam em um carro que saiu da pista e capotou. Segundo informações, o acidente pode ter sido causado por uma colisão. No momento do acidente, o auxiliar de serviços gerais Valdinei Pereira e a família dele tomavam banho em um córrego próximo ao local e tentaram socorrer as vítimas. “Chamei muita gente para ajudar a desvirar o carro, estavam todos vivos, mas por causa do grave acidente, alguns morreram, não pudemos salvá-los”.

O carro ficou completamente destruído, o que dificultou o resgate das vítimas realizado pelo Corpo de Bombeiros. “O resgate foi muito complicado devido ao capotamento e ao choque do carro com a árvore”, afirmou o bombeiro Marcos Humberto.

O outro carro envolvido teria fugido do local. “Nós já passamos esta informação, tanto para as viaturas que estão de ronda, quanto para a rádio patrulha da Polícia Militar para tentarmos localizar o veículo que teria envolvido neste acidente”, disse o inspetor da PRF Roberto Mendes. (Do G1 TO – Pesquisa Roserval Ramos).

 

 

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo