Acidente de Trânsito

Acidente na BR 155 entre caminhonete e moto deixa uma vitima fatal

SAMU fazendo o resgate da vítima
SAMU fazendo o resgate da vítima

Um grave acidente que aconteceu na BR 155, a três quilômetros de Xinguara, sentido Rio Maria no fim da tarde do sábado (25), por volta das 17 horas, envolvendo uma caminhonete HILUX e uma moto YBR, ceifou a vida de um homem de 46 anos de idade.

A vitima fatal foi o pedreiro Júlio Gomes de Souza, que estava pilotando a moto YBR de cor preta, placa NSX 6442 de Xinguara, Júlio era morador da localidade que fica fora da cidade, conhecida como Projeto Casulo.

DSC_0188 [1600x1200] Segundo informações de testemunhas que presenciaram o trágico acidente, Júlio vinha saindo de sua residência pela vicinal que dá acesso a BR e quando chegou ao asfalto entrou na pista muito aberto na intenção de ir para sua mão, mas porem muito de vagar, momento em que vinha em alta velocidade a HILUX de cor prata, placa NSW 30951de Xinguara, na direção da caminhonete estava um senhor identificado por Ramos.

DSC_0196 [1600x1200]De acordo com as testemunhas, quando o motorista avistou a motocicleta, freou forte, mas como caia uma chuva fina no momento e a pista estava molhada os freios não segurou e a caminhonete acabou batendo no motoqueiro que estava no meio da pista, mas precisamente sobre a faixa amarela. As pessoas descreveram como foi violenta a batida.

O SAMU foi acionado e fez o resgate da vitima, que foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento – UPA, de Xinguara, os médicos fizeram o possível e o impossível para reanimar o homem, mas o estado dele era gravíssimo, a ambulância do SAMU ficou estacionada e funcionando o tempo todo, esperando para transferir o paciente para o Hospital Regional de Redenção, até que veio a confirmação que Júlio não resistiu e faleceu na mesa da sala de emergência.

DSC_0199 [1600x1200]DSC_0189 [1600x1200]

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo