Cidades

Canaã dos Carajás viveu hoje momentos tensos com protesto nada pacifico

DSC01394Por volta das 6h da manhã de hoje os funcionários das empresas Barbosa Mello, Novo Espaço, Consórcio S11D e ETI se manifestaram em frente à entrada do alojamento do S11D e anunciaram que estão em greve por tempo indeterminado. Um caminhão da Andrade Gutierrez foi atravessado na pista impedindo o tráfego de veículos.

Segundo os trabalhadores os motivos que os levaram a protestar foram às condições precárias de banheiros de alguns alojamentos, o salário que veio errado, faltando horas trabalhadas, e reivindicações não atendidas pelas empresas, como por exemplo, os funcionários que residem em Canaã querem ônibus diariamente para ir e vir do trabalho, e os de Parauapebas quer pelo menos duas vezes por semana.

DSC01369 “O maior projeto do mundo que é o S11D não está com salário adequado pelo sindicato”. Queixou-se um funcionário da Andrade Gutierrez que não quis ser identificado.

Por volta das 9h um representante do Sindicato da categoria compareceu a manifestação para receber as queixas dos trabalhadores, e se comprometeu em passar para as empresas se adequarem as exigências dos funcionários.

DSC01386Um carro do Consórcio S11D tentou furar o bloqueio e foi tombado pelos manifestantes, porém um ônibus da empresa Shalon foi queimado, num ato injustificável de vandalismo. Mas ninguém quis falar sobre o assunto. O fogo foi controlado pelo corpo de bombeiros.

Até às quinze horas, os trabalhadores ainda aguardavam os representantes da vale e das empresas terceirizadas, para tentar um acordo com o sindicato e os trabalhadores. Segundo eles, se não tiverem suas reivindicações atendidas, a greve vai continuar. (Por Leia Cardoso)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo