Brasil & Mundo

Depoimento interessante enviado por e-mail

Olá me chamo Aurilêda Bernardo moro em Apuiarés, Ceará. Há dezenove anos estive em Redenção e passei por um momento muito difícil não conseguia me adaptar a cidade,  perdi o ano escolar e caí em depressão. Certo dia uma vizinha me convidou para ir com ela à missa.

Nesta missa celebrava-se o óbito de uma garotinha chamada Janiara Correia Marinho. Logo que entrei na igreja meu coração se encolheu talvez a tristeza que eu sentia não se comparava nem um pouco com aquela que a família sentia. Me ajoelhei e elevei meu coração a Deus em forma de prece.

Chorei muito e diante de tudo roguei por aquele anjo. Sim para mim a garotinha Janiara me dava uma oportunidade de continuar vivendo. Diante de tudo fiz uma prece e prometi que se um dia me casasse e tivesse uma filha se chamaria Janiara.

Depois de dois meses retornei ao Ceará retomei minha vida, meu trabalho e três meses depois me casei. Um ano depois nasce minha primeira filha que recebeu o nome do meu anjo da guarda Janiara. Hoje gostaria muito de reencontrar aquela família que não conheci, nem mesmo sei seus nomes para lhe dizer que a filhinha deles foi e continua sendo um anjo.

Pesquisando descobri que tem um abrigo em Redenção com o nome dela. Por favor me ajude a entrar em contato. Agradeço.

Professora Aurilêda Bernardo – Apuiarés, Ceará.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo