Depois de 8 anos a Seleção de Xinguara chega a final da Copa Sul Pará e pode chegar ao seu 5º título

Lances da semifinal Rio Maria e Xinguara (Foto: Ricardo Rick)

Copa Extremo Sul Pará de Seleções repete a final de 2010, Xinguara e Redenção voltam a se enfrentar na disputa de um título

Após um jejum de 8 anos sem chegar a uma final, a seleção de futebol de Xinguara volta a ser finalista da Copa Extremo Sul Pará de Seleções, a última vez que disputou uma final, foi em 2010, quando perdeu o título em casa para a seleção de Redenção.

Foto: Ricardo Rick (Seleção de Xinguara)

A seleção de Xinguara empatou com a seleção de Rio Maria, os dois jogos das semifinais, 1×1 em casa e 0x0 fora de casa, a vaga para a final veio no último domingo (25), quando Xinguara venceu a atual campeã seleção de Rio Maria nos pênaltis por 5×4. Na série de 5 cobrança para cada seleção, um novo empate 4×4, com mérito dos dois goleiros, uma defesa para cada lado. Nas cobranças alternadas ninguém podia errar, um erro poderia ser fatal, foi o que aconteceu, na 6ª cobrança para Xinguara um zagueiro tinha a responsabilidade de colocar a seleção a frente no placar, Silvio foi e fez o dever de casa convertendo seu chute em gol, na desvantagem, Rio Maria precisava fazer o gol, então a responsabilidade dos xinguarenses passou para as mãos do goleiro Pite, que, provou porquê é considerado um dos melhores goleiro da região na atualidade, como uma bela defesa Pite pegou a cobrança do meia Fabinho e colocou a seleção xinguarense na grande final.

Assim que veio a classificação, o prefeito de Xinguara Osvaldinho Assunção foi até ao meio do campo, onde estava reunida sua seleção e fez questão de participar da oração com os jogadores e comissão técnica, mas antes do pai nosso, Osvaldinho anunciou um bicho de 2 mil reais pela classificação, o prefeito disse mais, “hoje tem 2 mil pela classificação e se for campeão o bicho será de 5 mil reais”, afirmou ele.

Seleção de Redenção (Foto: Arquivo Liga Esportiva de Redenção)

Agora, 180 minutos separam Xinguara e Redenção do título de 2018, o primeiro capítulo dessa final acontece no próximo sábado 1 de dezembro, as 19:00hs, no estádio J. Santos em Xinguara, o segundo capitulo será no sábado 8 também as 19:00hs, no estádio Arena Serrinha em Redenção.

Após 11 anos sem título, Xinguara poderá conquistar seu 5º título da Sul Pará, o último foi em 2007, quando foi campeão ao vencer a seleção de Sapucaia, já a seleção de Redenção pode chegar a sua 6ª conquista se for campeã esse ano, mas poderia ser seu 7º título, em 2014, a competição foi suspensa pelo TJD, após Redenção ter vencido a seleção de Sapucaia por 3×1, no primeiro jogo da final, a suspensão se deu, após a Liga Esportiva de Rio Maria ter entrado com recurso contra Redenção, sob acusação de uso irregular de atleta por parte de Redenção, a Liga Esportiva de Rio Maria alegou que o atleta Hugo, (atacante), estaria vinculado ao futebol profissional e não poderia atuar por Redenção conforme o regulamento da competição, desde então já se passaram quatro anos e a Federação Paraense de Futebol – FPF, não resolveu o que fazer para definir o campeão de 2014.

HISTÓRICO COPA EXTREMO SUL PARÁ DE SELEÇÕES DE 2002 ATÉ 2018

Competições Oficiais Títulos:

2002 ‘ Redenção

2003 ‘ São Felix Xingu

2004 ‘ São Felix Xingu

2005 ‘ Santana do Araguaia

2006 ‘ Sapucaia

2007 ‘ Xinguara

2008 ‘ Redenção

2009 ‘ Redenção

2010 ‘ Redenção

2011 ‘ Suspensa pelo TJD, Redenção ou Sapucaia

2012 ‘ Floresta (Não Oficial por falta de documentação)

2013 ‘ Floresta (Não Oficial por falta de documentação)

2014 ‘ Redenção

2015 ‘ Ourilândia do Norte

2016 ‘ Tucumã

2017 ‘ Rio Maria

2018 ‘ Em aberto (Xinguara ou Redenção)

SEM COMENTÁRIO