DICA: Adestramento de cães – Porque chamar um profissional?

Para você criador de cães de Xinguara e região, saiba que seu cão pode ser adestrado por um profissional que está muito mais perto da sua casa do que você possa imaginar.

Nos últimos tempos o ser humano vive em uma rotina diária de muita agitação, de forma que um animal de estimação em casa ajuda a distrair e traz prazer e alegria às famílias. No entanto, na maioria das vezes estes animais passam boa parte do tempo sozinhos, o que faz com que sintam a falta de companhia, gerando a necessidade dos donos recorrerem aos cuidadores de cães.

Em Xinguara, os criadores podem contar com um profissional de confiança capaz de oferecer os cuidados que os cães precisam ter. O adestrador Marcelo Mota tem buscado conhecimento nos mais altos níveis de adestramento. Ele passou por cursos profissionalizantes na empresa Paulo Rossi Adestramento de Marabá, uma referência em adestramento que preparou os cães que foram trabalhar com uma equipe do Corpo de Bombeiros, enviada pelo Governo do estado do Pará para ajudar nas buscas por sobreviventes na tragédia de Brumadinho em Minas Gerais.
Marcelo é proprietário da empresa M.M TREINAMENTO CANINO, que dispõe de serviços como:

  • Adestramento Básico
    • Avançado
    • Proteção Patrimonial
    • Show Dog
    • Hospedagem Canina (Hotel para Cachorro).

“Trabalho com cães, com o intuito de melhorar a convivência entre cão e seu dono, passando para cada tutor a real visão do cão na sua matilha, para evitar problemas e corrigir os já gerados no decorrer do tempo”, afirma Marcelo.

É importante esclarecer que cada pet tem uma fase e cada uma delas requer um adestramento diferenciado para os cães, pois como qualquer ser, quando filhote possuem hábitos, que, com passar do tempo desaparece. Por tanto, é interessante que comece a treinar o seu cachorro já nesse período, para que ele seja um cão obediente quando se tornar adulto.

Para contratar seus serviços os interessados podem ligar nos números (94) 991107091/992225375, para agendar uma visita, sem compromisso.

Texto: Roserval Ramos e Antonio Guimarães

 

SEM COMENTÁRIO