Emater completa 53 anos focada no desenvolvimento da agricultura familiar

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater/PA) foi criada no dia 3 de dezembro de 1965. Nesses 53 anos de existência, o trabalho vem sendo desenvolvido com muito entusiasmo pelos extensionistas rurais em todos os municípios paraenses.

De acordo com o Núcleo de Estudos e Avaliações (NEA), da Coordenadoria de Planejamento (Cplan), a produção dos agricultores familiares assistidos pela empresa registra muitas culturas trabalhadas com produção de milhares de toneladas, como o açaí, abacaxi, banana, cacau, mandioca, pimenta-do-reino, entre outras, demonstrando o grande potencial de competitividade da base produtiva da agricultura familiar estadual.

Os sistemas familiares de produção, orientados pela Emater, utilizam tecnologias, conhecimentos e diversificações produtivas com bases agroecológicas que ajudam a reduzir impactos ambientais e a promover desenvolvimento rural por meio de maior acesso às políticas públicas e linhas de créditos rurais, que a Emater intermedeia, e ainda pelo apoio organizacional, que contribui para a formação de associações de trabalhadores rurais e fortalece os Conselhos de Desenvolvimento Sustentáveis Municipais.

A Emater atua em inúmeras atividades e eventos. Na última semana de novembro, por exemplo, fez vários cursos de capacitação continuada que qualificou, em parceria, mais de 300 extensionistas rurais de todos os escritórios regionais e locais.

Essa semana, a Emater participou da premiação Mérito Ater, na abertura da Semana Nacional do Extensionista, em Brasília, por meio do desempenho profissional de uma das extensionistas que leva o Projeto Piloto a campo, a servidora Michelle Sandrine Lima dos Santos, tecnóloga agroindustrial.

Hoje, 6, Dia Nacional do Extensionista Rural, a Empresa estará no Seminário que encerra a Semana do Extensionista, representada por Michelle Sandrine, do escritório local de Paragominas; junto com Deyse Cristiane de Souza e Inês Guahyba, do escritório central; e Francisco de Sousa, do escritório local de Santarém Novo.

Na execução de ações e serviços a Emater impacta positivamente em comunidades rurais e urbanas, e contribui para o bem-estar populacional apoiada por muitas parcerias: prefeituras, bancos, associações, cooperativas, colônias de pesca, nos processos de contratações de créditos rurais, por exemplo. As parcerias ampliam as ações em prol da agricultura familiar. E a lista de ações é enorme, a de parceiros também: Anater, Embrapa, Ceplac, Sedap, Semas, Ideflor-bio, Adepará, Senai, Senar, Sebrae, Ceasa, NAC, Ufra, Uepa, MDSA, MAPA, Sead, organizações sociais, para citar alguns.

Texto: Edna Moura/Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Pará – EMATER

SEM COMENTÁRIO