EducaçãoNotícias

ENEM: No Pará cerca de 100 mil candidatos são eliminados por falta

Neste domingo (5), o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 era pra ser aplicado no estado do Pará para 354.593 participantes, porém apenas 252.826 comparecera para realizar a primeira etapa do exame. Este número representa apenas 71,30% do total de inscritos, pois faltaram 101.769 participantes, 28,7% do total.

No Brasil eram para comparecer 6.731.203 participantes que foram inscritos, e apenas 69% compareceram. Faltaram exatos 2.033.590 de participantes.

As provas foram aplicadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) em 74 municípios, mesmo número do ano passado, apesar do número de inscritos ser 19,5% menor. No Enem 2016, o estado teve 440.979 participantes. A queda no número de inscrições é consequência do Enem ter deixado de certificar o Ensino Médio, tarefa que voltou ao Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).

No Pará, 23,7% dos participantes são pagantes; 58,3% foram isentos do pagamento da taxa de inscrição em função da Lei ou do Decreto e 18% obtiveram a gratuidade automática por estarem concluindo o Ensino Médio na rede pública em 2017. Em relação à situação de ensino; 70,3% já concluiu o Ensino Médio; 21,2% é concluinte este ano e 7,6% concluirá após 2017 (treineiros). Do total de participantes do Pará, 59,8% são mulheres e 40,2% são homens.

Em Belém, foram planejados para exatos 99.567 candidatos, em Parauapebas para mais de 11 mil candidatos, mas, como os números estaduais mostram, nem todos compareceram.

Redação/Portal Canaã

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar