Educação

Floresta do Araguaia/ A justiça tarda mais não falha

Ainda que a justiça seja tardia, o SINTEPP comemora decisão emblemática da justiça que determina o pagamento do salário do mês de dezembro de 2008 que, embora possua caráter alimentar, não foi pago pelo ex-Prefeito XIS.

Registre-se, porém, que com a atual Administração do Prefeito Alsério Kazimirski, várias foram as tentativas para a composição de um acordo para o pagamento das referidas verbas, sempre obtendo como resposta a sua negativa e o total desprezo com o sofrimento dos que esperam a efetivação de um direito a mais de seis anos.

Há tempos o Sintepp de Floresta do Araguaia aguardava uma decisão judicial para corrigir graves violações aos direitos dos trabalhadores. Violações estas perpetradas por gestores mal intencionados que passaram por Floresta do Araguaia. Tantas vezes se buscou acordo e sempre lhe foi negado.

Finalmente, o Tribunal de Justiça do Estado do Pará, através da Primeira Vara da Comarca de Conceição do Araguaia, concedeu, hoje, decisão que determina que o Prefeito de floresta do Araguaia, Alsério Kazimirski, EFETUE O PAGAMENTO DE R$ 220.596,93 (DUZENTOS E VINTE MIL, QUINHENTOS E NOVENTA E SEIS REAIS E NOVENTA E TRÊS CENTAVOS) […] CUJO VALOR DEVERÁ SER CORRIGIDO MONETARIAMENTE, PELO ÍNDICE INPC-IBGE, DESDE A DATA DO AJUIZAMENTO DA AÇÃO – 21/07/2009 ATÉ A DATA DO EFETIVO PAGAMENTO, ACRESCIDOS DE JUROS DE MORA DE 1% (UM POR CENTO) AO MÊS.

Mais que a reconstrução de direitos, que esta decisão judicial tenha um caráter pedagógicos para Gestores mal intencionados não voltem a ousar violar direito dos trabalhadores. (Nota da Coordenação do SINTEPP de Floresta do Araguaia)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo