Goleiro Wallace, do Guarani, morre em acidente na Bandeirantes, em Limeira

Jogador tinha 22 anos e estava emprestado ao Bugre pelo Vitória

O goleiro Wallace, do Guarani, morreu neste sábado após capotar o carro na Rodovia dos Bandeirantes (SP-348). O acidente ocorreu por volta de 14h em Limeira (SP), segundo a concessionária AutoBAn, que administra a rodovia.

Wallace tinha 22 anos e estava a caminho de Ribeirão Preto, sua cidade de origem e onde passaria o fim de semana com familiares. Ele estava de folga após ter ficado no banco de reservas na vitória do Guarani por 3 a 0 sobre o Água Santa, na noite da última sexta-feira, em Campinas. O Guarani divulgou uma nota oficial lamentando a tragédia.

O corpo do goleiro está sendo velado em Ribeirão Preto no Velório Sacramento. O sepultamento está agendado para as 16h no Cemitério Bom Pastor, no Jardim Zara.

Em homenagem a Wallace, foi respeitado um minuto de silêncio antes do início do segundo tempo do clássico entre Corinthians e São Paulo, no Pacaembu, pelo Paulistão.

Carro em que o goleiro Wallace estava capotou na Rodovia dos Bandeirantes, em Limeira (Foto: Ronaldo Oliveira/ EPTV)

De acordo com a concessionária, o veículo seguia no sentido interior quando capotou, atravessou o canteiro central e foi parar no sentido oposto (capital). O carro capotou no km 140 da rodovia, próximo ao trevo com a Luiz de Queiroz (SP-304), segundo a AutoBan.

O passageiro Guilherme Bruno de Freitas, de 23 anos, foi encaminhado à Santa Casa de Limeira, com escoriações, mas sem ferimentos profundos. Segundo a Santa Casa de Limeira, Guilherme segue internado na unidade, e o estado de saúde é estável.

De acordo com a Polícia Rodoviária, o jovem relatou que Wallace perdeu o controle do veículo e atravessou o canteiro. Ele não soube dizer o motivo. Os dois estavam de cinto de segurança.

Nenhum outro veículo se envolveu no acidente e não chovia no trecho, segundo a concessionária. Um resgate da AutoBAn foi ao local, e o trecho teve lentidão no trânsito.

Emprestado pelo Vitória, Wallace chegou ao Guarani no início do ano com contrato até 30 de novembro. Ele era reserva de Bruno Brígido e sequer chegou a jogar pelo Bugre. Sua documentação não foi regularizada a tempo para a primeira rodada. Quando foi liberado para atuar, ficou no banco.

Wallace foi revelado nas categorias de base do Vitória e era visto como um goleiro promissor. Com duas partidas pelos profissionais do Leão em 2016, ele participou das campanhas dos títulos baianos de 2016 e também de 2017.

– Toda a comunidade rubro-negra está de luto. A história de um jovem foi interrompida de forma inesperada e deixará eternas lembranças. Wallace tornou-se jogador profissional nos braços do nosso Esporte Clube Vitória. À sua família, os nossos mais sinceros sentimentos de pesar, colocando nesse momento toda nossa estrutura para o que se fizer necessário para o alívio dessa grande dor – lamentou o presidente do Vitória, Ricardo David.

Ainda não há uma definição sobre horário e local do velório e também do sepultamento. A tendência é que aconteça em Ribeirão Preto.

Leia a nota do Guarani:

“Com profundo pesar, o Guarani Futebol Clube informa e lamenta o falecimento do goleiro Wallace Ribeiro Barato. Wallace era goleiro do Guarani e chegou ao Bugre no início do ano, por empréstimo, junto ao Vitória-BA. O goleiro, de 22 anos, faleceu neste sábado (27) vítima de um acidente de carro no KM 140, da Bandeirantes, sentido Limeira.

“O Guarani Futebol Clube lamenta profundamente o ocorrido e coloca-se inteiramente à disposição dos familiares e amigos. Não existem palavras para expressar o que estamos sentindo. Deus haverá de trazer o conforto”, afirmou o presidente Palmeron Mendes Filho.

O Guarani por meio de seu Conselho de Administração externa os sentimentos à família e aos amigos. O futebol está de luto. Descanse em paz, Wallace!”

Globo.com

SEM COMENTÁRIO