NotíciasPolícia

Homem foi acusado de abusar sexualmente de suas duas enteadas menores em Rio Maria

A Polícia Civil de Rio Maria, no sul do Pará afirmou que, a senhora Ana Paula de Sousa Filipe, acompanhada de suas duas filhas (menores uma de 09 e outra de 11 anos de idade), procurou a Delegacia local, no dia 11.03.2018, para denunciar pelo crime de estupro, Maicon Cabral de Aquino, a mulher  relatou aos Policiais Civis que, seu companheiro Maicon Cabral de Aquino, padrasto das suas filhas, há cerca de um ano vinha praticando o ato de estupro contra as crianças, e que os atos criminosos ocorriam constantemente, na ocasião em que ela, Ana Paula estava no trabalho e ele ficava sozinho com as meninas.

De pronto o Delegado Max Muller, encaminhou as crianças para serem submetidas a Exame médico preliminar, onde o médico de plantão constatou e descreveu com seriedade que as meninas já tinha tido relação sexual, de forma que não eram mais virgens e se encontravam com receptividade de abuso sexual.

Mediante aos laudos de Exames de Conjunção Carnal devidamente assinado pelo médico e diante dos relatos detalhados das crianças confirmando os abusos e pela situação emocional das crianças, a autoridade Policial na pessoa do Delegado Max, colheu o depoente da genitora das crianças e acionou o Conselho Tutelar para acompanhar as mesmas, e no dia seguinte foi solicitado ao Poder Judiciário local a “PRISÃO PREVENTIVA” do padrasto acusado, que, de imediato foi decretada pelo Juiz da Comarca.

Ao tomar conhecimento que havia sido denunciado pela sua companheira, Maicon fugiu da cidade sem deixar pista, desde então passou a ser foragido da justiça e está sendo procurado.

(Com informações do Repórter Isnaldo Alves)

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar