Jobson acerta com a Portuguesa – RJ para jogar o Campeonato Carioca 2020

O atacante Jobson, de 31 anos, é o mais novo reforço da Portuguesa-RJ. O jogador acertou com o clube para atuar na temporada 2020 do Campeonato Carioca.

Jobson chegou ao Rio de Janeiro no domingo e se apresentou hoje para iniciar a preparação junto ao resto do elenco para a primeira fase do campeonato. A Lusa estreia no torneio no dia 21 de dezembro, às 15h, no estádio Luso-Brasileiro, contra o Americano.

Esta é a segunda vez que o jogador defende um clube no Rio. Em 2009, ele ajudou o Botafogo e evitar o rebaixamento e fez grandes atuações em campo em um dos melhores momentos de sua carreira.

O atacante acumula três passagens pelo clube carioca. Além do alvinegro, ele atuou no Bahia, Atlético-MG e Al Ittihad. Em 2019, Jobson defendeu a camisa do Brasiliense no Candangão e no Brasileirão Série D.

O contrato do jogador com a Lusa vai até o final do Campeonato Carioca 2020. O clube ainda não definiu quando ele será apresentado oficialmente.

Polêmicas e problemas com a justiça

Nos últimos anos, Jobson ficou mais conhecido por ter seu nome envolvido em polêmicas e problemas com a justiça do que por feitos no futebol. Ele foi suspenso em 2010 pela Fifa e banido do futebol até 31 de março de 2018 por ter se recusado a fazer um exame antidoping quando defendia o Al Ittihad.

Nesse período, o atacante se envolveu em um caso de estupro de menores e acabou preso. Depois, em junho de 2017, em condicional, voltou a ser preso após se envolver em um acidente de trânsito que causou a morte de um homem.

Solto após pagar fiança, Jobson voltou a ser preso em setembro de 2018 por ter saído do limite da tornozeleira eletrônica ao fazer uma viagem. O jogador recorreu e conseguiu ser solto novamente.

SEM COMENTÁRIO