Esporte

Leãozinho espera lotar o Mangueirão

Copa do Brasil

Time Sub-20 azulino vai encarar o Vitória, da Bahia, no dia 4 de setembro, às 20h30

A expectativa da diretoria do Remo é de que o estádio Mangueirão receba um grande público para o jogo do dia 4 de setembro contra o Vitória-BA, às 20h30, pela Copa do Brasil Sub-20. A boa presença da torcida azulina durante a Copa Norte da categoria, disputada no início do mês, em Belém, animou os dirigentes do clube, que já definiram os preços dos ingressos e a data para o início das vendas. A partir do dia 2 de setembro, 20 mil ingressos serão colocados à venda para a partida, com a arquibancada custando R$ 10 e cadeira R$ 20.

De acordo com o diretor Maurício Bororó, os bilhetes estarão à disposição dos torcedores a partir da próxima segunda-feira, dia 2 de setembro, na bilheteria do Baenão e na sede social do clube, na avenida Nazaré. O cartola aproveitou para convocar desde já o Fenômeno Azul. “Esperamos que a torcida lote o Mangueirão na quarta-feira, dia 4 de setembro. Eles nos ajudaram muito na conquista do último título e agora, na Copa do Brasil, nossa expectativa de público gira em torno de 12 a 15 mil torcedores para empurrar o Remo, literalmente”, comentou o cartola.

Para Mauricio Bororó, a torcida remista tem bons motivos para acreditar em um resultado positivo do time dirigido pelo técnico Válter Lima. Na opinião do dirigente remista, o “Leãozinho” tem condições de superar o favoritismo do Vitória. “Vamos sem medo de ser feliz. O grupo está preparado e tudo que foi solicitado pela comissão técnica para ajudar nessa preparação foi cedido pela diretoria ao comando do presidente Zeca Pirão, todo o suporte necessário. Sabemos que o adversário é o campeão, no entanto, se pensarmos nisso, vamos entrar com medo e isso pode prejudicar o nosso rendimento. Se perdermos por dois gols de diferença, já era todo o trabalho”, ressaltou.

Pelo regulamento da Copa do Brasil Sub-20 – que é o mesmo da competição profissional -, nas duas primeira fases, se o time visitante vencer por dois ou mais de diferença evita a partida de volta, eliminando seu adversário imediatamente. Por isso, a primeira missão do Remo na partida da semana que vem será evitar um revés desse tipo. Além disso, caso seja eliminado logo na estreia, o clube paraense ficará com apenas 40% da renda líquida do jogo. Os outros 60% serão embolsados pelo rubro-negro baiano. Se houver necessidade do jogo de volta, as duas equipes voltarão a se enfrentar no dia 17 de setembro, no estádio Barradão, em Salvador.

CONFIRMAÇÃO

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) confirmou na tarde de ontem a mudança de local da partida do dia 4 de setembro, às 20h30, entre Remo e Vitória-BA, pela Copa do Brasil Sub-20. O jogo estava inicialmente marcado para o Baenão, mas mudou para o Mangueirão.

O Remo fez a solicitação para a mudança de local na semana passada, uma vez que não poderia usar seu estádio em virtude das obras de reforma do Baenão para a temporada 2014. Com uma parceria firmada com a empresa de bebidas Ambev, o clube vai trocar o gramado do estádio e substituir os alambrados de ferro por modernas placas de acrílico. (Fonte: ORM).

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo