Mãe sufoca e coloca filha de joelho com tijolo na cabeça e acaba sendo autuada por tortura

Uma mãe foi filmada por um vizinho maltratando a própria filha de 6 anos em Xinguara, no sudeste do Pará. As imagens circularam nas redes sociais, mostrando a mulher batendo e sufocando a filha com um pedaço de pano. Em outro vídeo, a criança aparece de joelhos em cima de pedras, com um tijolo na cabeça.

Veja os vídeos:

O caso aconteceu no dia 9 de março, o vídeo dos maus tratos viralizou e causou uma grande indignação na população. O caso foi levado ao conhecimento do Conselho Tutelar – TC, que tomou todas as providencias requeridas pelo caso. A mãe acusada, acabou perdendo a guarda da criança, que foi levada pelo Conselho Tutelar para uma casa de apoio à criança e adolescente. O caso foi apresentado na Delegacia de Polícia Civil ao Delegado Max Muller, a mulher foi intimada a comparecer na delegacia, onde um inquérito foi instaurado pelo crime de tortura.

Durante o depoimento a mãe disse ao Delegado que não estava maltratando sua filha e sim educando. Só que, os argumentos da acusada não convenceu ao DPC e nem outras autoridades.

Para a Comissão dos Direitos Humanos, da Ordem de Advogados do Brasil (OAB), Subseção Xinguara, que acompanha o caso considera que houve abuso por parte da mãe. Durante entrevista o advogado Evandro Santana, atual presidente da OAB Xinguara, disse que, “as imagens mostra claramente a criança sendo maltratada, longe de estar sendo educada”, disse.

O CT tem ciência das gravidades do caso, “agora o Conselho vai cumprir todas as etapas que pede o caso, tanto a criança quanto a mãe irão passar por acompanhamento psicossocial”, afirmou a conselheira Jane Maria.

O caso deve ser enviado ao fórum para análise da Justiça e, em seguida, ao Ministério Público do Pará (MPPA) que poderá oferecer denúncia ou pedir o arquivamento.

SEM COMENTÁRIO