Notícias

Manifestantes continuam com a BR 155 interditada

20160331062918A rodovia BR 155 que corta o estado do Pará, ligando importantes municípios do estado, continua fechada por manifestantes que reivindicam a recuperação do trecho da BR que liga o município de Xinguara ao município de Eldorado dos Carajás, são 140 Km de puro buraco.

A rodovia foi interditada na última quarta-feira 30, às 5 horas da manhã e só foi liberada às 22 horas. Os manifestantes voltaram a interditar a BR nessa quinta-feira 31, o trafego na estrada está parado desde cinco horas da manhã. Estão sendo queimados pneus e madeiras para bloquear a Rodovia, uma tenda foi montada no meio da estrada para impedir a passagem de veículos, só ambulância, viatura da polícia estão sendo liberadas para passar pelo bloqueio.

DSC_0150 [1600x1200]Nossa reportagem falou por telefone com lideres do movimento e os raciocínios de pensamentos são os mesmo, “nos estamos firmes aqui em nosso objetivo, a Rodovia continua fechada até que alguém do Governo Federal venha até aqui trazendo uma solução para nosso problema, que é a recuperação da BR 155 entre Xinguara e Eldorado dos Carajás”, afirmou Romualdo Lima.

O bloqueio da Rodovia repercutiu nacionalmente, os telejornais da TV Liberal de Belém tem tentado contato com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT), para saber se alguém iria ao local das manifestações para falar com os manifestantes, mas não obtiveram nenhuma informação junto ao órgão.

ARTICULAÇÃO

20160331062819Conforme foi noticiado no DOL, de acordo com o deputado estadual João Chamon (PMDB), uma comissão vai ser articulada para ir até a sede do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte, o Dnit, responsável pela rodovia para cobrar o asfaltamento do local.

O ministro dos portos Helder Barbalho vai articular com o ministro dos transportes Antônio Carlos Rodrigues a demanda para o atendimento à pauta da comunidade local.Se não houver resposta para a cobrança do asfaltamento do trecho da BR-155 a promessa é que para o mês de abril haja uma grande interdição da rodovia que vai incluir empresariado local, a população e até mesmo políticos das cidades afetadas com a situação caótica do asfalto.

Haverá uma mobilização que incluirá senadores e deputados da bancada paraense independente de sigla partidária para buscar uma solução para o problema.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo