Polícia

Mulher é presa em flagrante após vender pedra de Crak

Maria Nizete Pereira de Brito
Maria Nizete Pereira de Brito

Uma equipe da Policia Civil de Xinguara, comandada pelo (DPC), José Orimaldo Farias, prendeu em flagrante a senhora Maria Nizete Pereira de Brito, após a mesma vender uma pedra de CRAK, a um usuário da droga. A prisão aconteceu na cidade de Sapucaia na região Sul do estado do Pará.

A equipe de policiais, composta pelo DPC José Orimaldo e os IPC Silvio André e Danilo Godim, estavam em diligencia na cidade de Sapucaia no dia 30 de agosto do corrente ano, a fim de apurar uma denuncia anônima de exploração sexual de adolescente nos bares da cidade.

Ao passar nas proximidades do estádio de futebol da cidade, os policiais avistaram em um bar, Paulo Sergio Silva Santos, velho conhecido por ser viciado em drogas, Paulo Sergio estava tomando cerveja e conversando com o nacional Francisco Pereira Couto. Os policiais viram quando Paulo Sergio entregou a Francisco uma quantia em dinheiro em atitude suspeita, o delegado com sua equipe ficaram entre os torcedores nas arquibancadas do estádio, de maneira que pudessem avistar o referido bar.

Enquanto isso o policial Danilo Godim, seguia Francisco de longe, defasadamente Francisco seguiu direto a uma boca de fumo, onde se encontrou com a senhora Maria Nizete, após os dois trocar algumas palavras eles entraram na casa e em seguida Francisco saiu do local voltando rapidamente ao bar, onde repassou uma pedra de CRAK para Paulo, momento em que os policiais abordaram os dois, apreendendo a pedra de Crak em poder de Paulo.

Após a prisão dos dois, eles foram colocados em um carro descaracterizado usado pelos policias e em seguida foram para casa de Maria Nizete, Francisco desceu do carro acompanhado do IPC Danilo e foram até a porta da casa, quando Maria recebeu os dois Francisco disse que queria mais uma pedra, sem desconfiar de nada ela entrou na casa e quando voltou repassou a droga para Francisco, no mesmo momento Maria Nizete recebeu voz de prisão.

Em seguida os policias entram na residência para ver se ali havia mais drogas e não deu outra, foi encontrado no quarto em cima da cama um frasco contendo em seu interior 30 petecas da substancia entorpecente CRAK.

Após Delegado José Orimaldo concluir o inquérito policiais e comunicar o flagrante ao Juiz na manhã dessa segunda-feira (02), Maria Nizete foi transferida para o (CRRR) Centro de Recuperação Regional de Redenção.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo