Homicídio

Pará: Homicídio registrado na madrugada desse sábado em Xinguara

Homem mata outro por ciúmes em uma Bar onde estavam ingerindo bebida alcoólica

O crime ocorreu por volta das 03:00 da manhã deste sábado, 23 de março. Um homem identificado como José Alexandre David da Silva, de 45 anos, atacou com um canivete a vítima, Marcos Fernandes de Oliveira, de 25 anos.

Segundo relatos, Marcos Fernandes perdeu a vida ao intervir em defesa de um amigo que havia sido ameaçado pelo agressor. O amigo da vítima, que sofreu ameaças, prestou depoimento na Delegacia de Polícia Civil de Xinguara, descrevendo detalhadamente os fatos.

Na sua declaração, a testemunha ocular, que prefere não ter sua identidade divulgada por questões de segurança, relatou que estavam consumindo bebidas alcoólicas no Bar do Manelão, um estabelecimento conhecido na cidade. Por volta das 03:00 da manhã, testemunhou o assassinato de Marcos. Segundo ele, o crime ocorreu por ciúmes por parte do acusado.

A testemunha afirmou que estava no balcão do bar, pedindo uma bebida ao atendente, quando uma mulher chamada Divonede Conceição Sousa, de 38 anos, também se aproximou para pedir uma bebida. Após cumprimentar o rapaz normalmente, ela se afastou do balcão. Nesse momento, o acusado, alegando ser namorado de Divonede, dirigiu-se ao rapaz acusando-o de flertar com sua namorada e ameaçando-o com um canivete, proibindo-o de se aproximar dela novamente. O rapaz então voltou para seu grupo de amigos, que estava do lado de fora do bar, e relatou que tinha sido ameaçado por José Alexandre com uma arma branca.

Ao tomar conhecimento da ameaça, seu amigo Marcos Fernandes ficou indignado e confrontou o acusado. Durante a discussão, José Alexandre esfaqueou Marcos na região do abdome. Marcos, ferido, foi levado por seu amigo para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, por volta das 03:15. No entanto, antes de chegarem à UPA, Marcos começou a sentir-se desorientado e desmaiou na garupa da motocicleta. Infelizmente, Marcos Fernandes de Oliveira não resistiu aos ferimentos e veio a falecer, minutos depois de dar entrada na unidade de saúde.

José Alexandre, o agressor, fugiu do local sozinho em uma motocicleta e, até o momento desta redação, ainda não foi encontrado. A Polícia Civil instaurou um inquérito para investigar o caso e trabalha na captura do acusado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo