PM foi baleado após cometer crime de homicídio em Anapu no sudoeste do Pará

Irmãos (Vitimas)

A cidade de Anapu que fica na rodovia Transamazônica no sudoeste do Pará, 739 Km de Belém capital do estado, conhecida como uma cidade violenta, volta a registrar três homicídio em um único dia. Os crimes ocorreram no último sábado 20 de outubro, o primeiro crime aconteceu pela manhã, por volta das 07 horas, a vítima foi identificado como sendo o empresário José Maria Camelo Pereira, conhecido como (Zeca da Carajás), o homem estava em uma panificadora comprando pão quando foi alvejado por vários disparos de arma de fogo, os autores do crime chegaram em uma motocicleta HONDA BROS e dispararam contra Zeca da Carajás, que, morreu ali mesmo no local. Próximo ao corpo do empresário a Polícia encontrou 06 cartuchos de 380 deflagrados.

As outras duas vítimas foram mortas a noite, por volta das 21 horas, quando estavam jantando no restaurante Canto do Baião, localizado na Avenida Nossa Senhora Aparecida no Bairro Novo Panorama. A mesma característica de ação usada no crime que aconteceu pela manhã foi usada a noite pelos criminosos para executar os dois homens no restaurante. Os dois atiradores chegaram de moto e de surpresa atiraram muitas vezes contra os seus alvos, que, sem chance de defesa morreram instantaneamente no local. Os mortos foram identificado como Joelton Cristo de Almeida e Josivan Cristo de Almeida, os dois eram irmãos, filhos de Josiel Almeida, conhecido popularmente como “Gato de Botas”, Josiel foi preso a algum tempo suspeitas de ter envolvimento em um homicídio que vitimou um fazendeiro e empresário de Anapu.

Acusado

Dessa vez, o que os matadores não contavam era que ali próximo estava um policial militar apaisana, que por motivo de segurança terá seu nome preservado, em um ato de bravura tomou a decisão de atirar contra os homicidas na tentativa de evitar que eles fugissem. Os acusados revidaram aos disparo do policial e na troca de tiro um dos autores do duplo assassinato foi atingido pelos disparos do PM, ele chegou a cair, mas conseguiu fugir usando um automóvel.

A Polícia Militar foi acionada para atender a ocorrência de tiroteio, chegando ao local a guarnição constatou que avia dois mortos dentro do restaurante. O local foi isolado pela PM e a Polícia Civil foi comunicada do duplo homicídio para que todas as providencias de praxe fossem tomada.

As equipes da PM e da PC fizeram buscas pela cidade na tentativa de prender os acusados, mais ninguém foi preso. O caso de duplo homicídio teve uma surpresa que causou uma reviravolta no processo de investigação.

O atirador que foi baleado pelo PM, deu entrada em um hospital na cidade de Pacajá a 80 KM de Anapu, ai a grande surpresa, o baleado foi identificado como sendo o soldado JOELSON BARATA DE SOUZA, da Polícia Militar do Pará. O soldado que foi atingido em uma das pernas e nas costas, precisou ser transferido para um hospital na cidade de Tucuruí devido à gravidade dos ferimentos, onde passou por cirurgia e se encontra preso mesmo hospitalizado, em cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido pelo Juiz de Direito da Comarca de Anapu, Esdras Murta Bispo. O soldado PM acusado de duplo homicídio, pertence ao 4º BPM Batalhão de Polícia Militar de Marabá.

A Polícia Civil de Anapu está investigando para chegar no que motivou a morte dos irmãos e se os crimes ocorridos no sábado (20), tem alguma ligação e se os autores são os mesmos.

Confira aqui o mandado de prisão: AUTO DE MANDADO DE PRISÃO EM FLAGRANTE documento20180429012435OFICIO PLANTÃO JUDICIARIO documento20180429012532

Com informação da PM e PC de Anapu

SEM COMENTÁRIO