Polícia

Polícia Civil prende homem acusado de latrocínio e assalto a banco no PA e MA

Josemir MatosUma operação conjunta das polícias Civil do Pará e do Maranhão prendeu na última quinta-feira (31), em Parauapebas, o indivíduo Josemir Matos de Albuquerque, conhecido no mundo do crime como “Novinho”. O acusado foi preso no Terminal Rodoviário de Parauapebas por investigadores da 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil, do Núcleo de Apoio à Investigação do Sul do Pará(NAI-SUL) de Marabá e apoio da Superintendência Estadual de Investigações Criminais do Maranhão.

Josemir “Novinho” é acusado de envolvimento em assaltos a bancos nos estados do Pará e Maranhão, e também de latrocínio, roubo seguido de morte. A polícia encontrou em posse do acusado um revólver calibre 38 e explosivos, que deveriam ser usados em roubos a banco nos dois estados. Segundo informou a polícia, Josemir Matos responde a processo criminal por latrocínio no Maranhão.

O diretor da 20ª Seccional de Polícia, delegado Gabriel Henrique Costa, informou que a polícia já vinha monitorando o acusado e descobriu que ele pretendia praticar sequestro no município de Floresta do Araguaia, sul do Pará.

Interrogado, o preso admitiu que a arma seria usada para fazer o sequestro de um empresário na cidade de Floresta do Araguaia, para extorqui dinheiro da vítima. Após o depoimento, “Novinho” foi levado pelos policiais até a residência dele, onde foram encontradas as bananas de dinamite. Devido ao alto grau de periculosidade do preso, o delegado Gabriel Henrique adiantou que ia solicitar a transferência dele para Belém.

(Vela Preta/Waldyr Silva)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo