Polícia

Policiais Militar de Xinguara realiza passeata de protesto por Ruas e Avenida da cidade

DSC_0322 [1024x768]A greve dos policiais militares do Estado do Pará continua, na manhã dessa terça-feira (08), de abril um grupo de policiais do 17º BPM, Batalhão Carajás, que aderiram o protesto, “MOVIMENTO DOS PRAÇAS”, acompanhado de familiares fizeram uma caminhada por Ruas e Avenidas da cidade para levar ao conhecimento da população, quais são os reais motivos da paralisação dos praças.

DSC_0328 [1024x768] Nas faixas e cartazes, os policiais expressavam a insatisfação com Governador Estado do Pará, Simão Jatene, pedindo união dos praças para dignidade, respeito e valorização da a classe. O sargento J. Sousa usava um microfone ligado a um carro som e em suas palavras ele deixava bem claro que os protestos não eram contra os oficiais, e sim contra o Governador do Estado do Pará.

DSC_0330 [1024x768]Os policiais aderiram o movimento depois que o Governador Simão Jatene, deu um reajuste salarial de 110% para os oficiais, deixando os praças fora do aumento. Para os manifestantes o Governador pretende dividir a Polícia Militar em duas, mais eles não admitem a divisão de uma instituição que tem quase 200 anos de existência. A greve que começou lenta vem tomando uma dimensão muito grande, já são mais de 90% dos praças da Polícia Militar em greve no estado, sem tempo determinado para se encerrar, tudo vai depender das negociações com o Governador Simão Jatene. Segundo o sargento J. Sousa presidente da Associação dos Cabos e Soldados de Xinguara.

DSC_0327 [1024x768]DSC_0326 [1024x768]DSC_0323 [1024x768]DSC_0321 [1024x768]

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo