Presidente do Sindicato Rural de Redenção contesta nota do Sindcomércio

Jordan presidente SRR
Geraldo presidente Sindcomercio
Geraldo presidente Sindcomercio

Foi divulgada uma nota no site do Jornal A Notícia, onde o presidente do Sindcomércio, Geraldo Amaro, atribuiu toda culpa ao Sindicado Rural de Redenção de “prejudicar” a tentativa de a entidade realizar a Feira da Indústria, Comércio e Agronegócio  na cidade de Redenção. O que é de se estranhar e me chama a atenção, é que porque não tiveram esta “boa vontade”, quando o Sindicato tentou reunir e fazer a festa? Tentei inúmeras vezes falar com o presidente do Sindcomércio, e nunca consegui. Deixei inclusive diversas mensagens em seu whatsapp.

Após a nota divulgada (segue em anexo), procurei o presidente do Sindicato Rural, Jordan Timo que contestou a nota dizendo: “As inverdades informadas pelo jornal são as seguintes:

Primeiro: O parque não é do Município, é do Sindicato Rural de Redenção.

Segundo: O Sindcomércio não propôs parceria, propôs “alugar”o parque. Já havíamos reiterado por diversas vezes a população que não realizaremos tais eventos.

Terceiro: No ofício onde cedemos o parque GRATUITAMENTE reservamos 3 períodos de menos de uma semana em que haviam eventos do SRR agendados anteriormente. No restante do ano o parque ficou disponível para o Sindicomercio.

Quarto: O Sindcomércio não criou nenhuma programação ou apresentou qualquer projeto, grade de shows, proposta, etc e não apontou nenhuma providência com relação ao suposto evento que pretendiam realizar.

Quinto: O único espaço de mídia reservado pelo SRR foi o muro da Avenida Brasil, em função do projeto de construção do mesmo e as edificações ocupadas pelo SRR, Senar, ABCZ, baias de cavalos, etc, ate porque não teríamos como desocupar o parque para a festa do Sindicomercio.

Sexto: As demais condições do SRR para ceder o parque GRATUITAMENTE foram: garantia de pagamento da energia elétrica, pagamento da segurança, dos artistas, companhia de rodeio e limpeza do parque. “Como já declaramos, não temos recursos financeiros programados para tais responsabilidades”.

No mais, Jordan disse repudiar qualquer tipo de declaração que contrarie a realidade dos fatos relacionados às atividades e projetos do SRR e se mostrou disponível para quaisquer esclarecimentos.  (Blog da Telma Medeiros)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA