NotíciasPolícia

Quadrilha que aterrorizava a cidade de Ourilândia e região foi presa pela PM

Em Ourilândia do Norte, no sul do Pará, a Polícia Militar prendeu na tarde do último sábado, 15, um bando de assaltantes e traficantes, formado por seis pessoas, que estava aterrorizando a região sul do Pará. Os indivíduos são: Leonardo Lima Miranda, Michele Lopes Pontes, Edinaldo dos Santos Moura, João dos Santos Pereira, Poliana Saraiva dos Santos e Makiel Alves dos Santos. Todos presos. Um sétimo integrante da quadrilha, Wesley Melo Júnior, resistiu ao cerco policial a bala e teve resposta à altura, morrendo fuzilado pela polícia.

Era por volta de 23h de sexta-feira, 14, quando a PM recebeu uma denúncia dando conta de que na Rua 27 do Setor Bela Vista, próximo a um bar, vários assaltantes estavam escondidos em uma casa. Policiais da Seção de Inteligência do 36º Batalhão Polícia Militar – com sede em São Félix do Xingu – passaram a vigiar o local, monitorando ininterruptamente.

Por volta das 13h de sábado, os policiais avistaram um desconhecido chegando de motocicleta ao endereço monitorado. O veículo tinha as mesmas características do empregado em roubos, dias antes na cidade, descritas pelas vítimas: Honda NXR Bros, verde e sem placas. Imediatamente, abordaram o piloto, identificado como Leonardo Lira Miranda que, interrogado ali mesmo, confessou ter participado de pelo menos quatro assaltos nos últimos três dias.

Integrantes do bando entregaram uns aos outros à PM  

Disse também que na casa havia parte do que foi roubado e ainda entorpecentes. Ao entrarem no imóvel, os policiais apreenderam 600 gramas de óxi, vários celulares e relógios de pulso e prenderam Michele Lopes Pontes. Leonardo entregou a comparsa, informando aos policiais que ela havia levado a droga de Redenção para vender em Ourilândia. Ele dedurou ainda o restante da quadrilha, informando que os demais estavam escondidos em uma casa na Rua 25.

No local indicado, os policiais prenderam Ednaldo dos Santos Moura, o qual confessou também ter participado de roubos em Ourilândia e ainda roubado uma caminhonete L200, na localidade P9, zona rural de Tucumã. No mesmo endereço foram presos João dos Santos Pereira, a mulher dele, Poliana Saraiva dos Santos, e Makiel Alves dos Santos. A revistarem o imóvel, os policiais encontraram mais objetos roubados:  duas mochilas contendo relógios de pulso, óculos esportivos e bolsas femininas.

Na mochila havia ainda cheques, cartões de crédito e de saque, todos roubados, cocaína, maconha e duas balanças de precisão. Também na casa foi encontrada uma motocicleta, Honda Fan, preta, que havia sido roubada havia alguns dias em Ourilândia do Norte. Ednaldo Moura, que já estava preso, não quis ir para a cadeia sozinho, imediatamente indicou o endereço em que estava o líder do bando, Wesley Melo Júnior, no Setor Aeroporto.

No endereço informado, já com apoio de outras duas guarnições, uma delas do Grupamento Tático Operacional (GTO) de Ourilândia, os policiais foram recebidos a bala por Melo Júnior e, para se defenderem, atiraram nele também, tendo o projétil arrancado boa parte do crânio do assaltante.

Com ele foi encontrado o revólver calibre 38 com o qual atacou os policiais militares, com quatro munições intactas e dois cartuchos. Todos os presos e os objetos, motos e arma apreendidas foram levados para a Delegacia de Polícia Civil para as providências legais.

(Fonte: Blog do João Carlos, colaborou Juscelino Show. Imagens: Polícia Militar)

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo