Senador Zequinha Marinho participa de reunião com lideranças políticas em Xinguara, mas não deixa claro se o PSC terá candidato a prefeito em 2020

A expectativa da reunião que aconteceu no último sábado (17), em Xinguara, na casa do secretário de educação Vilmones da Silva, era de que o senador da republica Zequinha Marinho, fosse lançar pré-candidatura própria do Partido Social Cristão (PSC), apresentando o nome de Vilmones da Silva como pré-candidato a prefeito nas eleições de 2020, mas não foi isso que aconteceu, pelo menos não ficou claro. Com isso o nome a sucessor do atual prefeito Osvaldinho Assunção continua sendo aguardado pela população.

Zequinha Marinho discursou, falou de boas administrações, usando como exemplos outros municípios. Quando voltou o discurso para Xinguara, Zequinha falou da importância de uma sucessão para que a cidade receba a continuidade do trabalho realizado pela atual administração, “não queremos aqui impor nada, pois aqui todos são capazes e sabe o que fazer para isso acontecer, nós temos o Dr. Moacir Farias (PDT), temos a Janaína Pereira (PSD), que são do nosso grupo e outros mais que tem condições de fazerem essas coisas acontecerem, não precisamos correr contra o tempo para ser prefeito, tudo no tempo de Deus, peço a vocês para começar concentrar esse esforço em torno de um dos braços direito do prefeito Osvaldinho, Vilmones da Silva, quero aqui com muito respeito a todos os partidos e lideranças, convidar Dr. Moacir e Janaína para estarmos unidos para estarmos conversando e construindo esse momento, naturalmente alguns de nós estamos a frente na popularidade, mas pelo que eu entendo no momento o Vilmones representa uma liderança que da para dialogar na construção dessa hora”,  disse o senador.

___________ MATÉRIA CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ___________

Na fala do senador ele não foi direto em lançar o nome de Vilmones como pré-candidato a prefeito para as eleições de 2020, a maioria dos lideres políticos que ali estavam, entenderam que na realidade Zequinha deixou a decisão nas mãos do prefeito Osvaldinho, ou seja, o nome apoiado pelo prefeito terá o apoio do senador e do PSC.

No final da reunião Osvaldinho Assunção falou com a reportagem do site roservalramos.com.br e deixou claro que o nome será apresentado no momento certo. O prefeito avaliou a reunião positiva, “foi boa essa reunião por que estamos mostrando que o nosso grupo tem feito de tudo para unir todos os grupos, no momento estamos juntando as peças para colocar na rua um projeto político e apresentar ao município um candidato que tenho consenso entre todo o grupo, estamos vivendo um momento delicado que precisamos conversar com calma e tomar uma decisão unidos, o momento é de escolher um candidato que vai representar um grupo que fez um bom trabalho em nossa cidade, precisamos de um projeto com um candidato que vai representar nossa gestão, estamos feliz hoje com esse ponta pé do PSC, eles tem um pré-candidato, o PSD já apresentou o nome a pré-candidato (Janaína Pereira), o PDT tem o Dr. Moacir, que parece que esta mudando para o PL, tem outros que não estão aqui, mas que fazem parte do nosso grupo político e que pode ser candidato, depende da união, começamos agora esse momento de ouvir a população, ouvir as lideranças, ouvir o grupo para não errar na escolha do pré-candidato”, disse Osvaldinho.

Quando perguntado se governo municipal ainda não tem um nome a ser apresentado como sucessor, ele foi cirúrgico na resposta, “o grupo da atual gestão precisa analisar com todas as lideranças para chegar a esse nome, decidir agora o grupo pode se dissolver, precisamos deixar que o entendimento aconteça entre os grupos para chegarmos a esse nome, são vários grupos, as lideranças do sindicato rural lançou o nome do Enric Laureano, que também é do nosso grupo, o Roberto da Yamaha também está em um grupo que faz parte do projeto, então é conversando que vamos chegar em um candidato que vai para as ruas com apoio de todos e com isso Xinguara continuara andando para frente e crescendo, eu tenho certeza de que a população vai ter esse entendimento, mexer em time que está ganhando pode ser perigoso, se mexer errado pode ter prejuízos”, afirmou o prefeito.

SEM COMENTÁRIO