EsporteNotícias

Técnico de Xinguara volta atrás e continua a frente da Seleção

Após o desconforto que aconteceu no último final de semana no elenco da seleção de Xinguara, a diretoria da Liga Esportiva juntamente com a comissão técnica da seleção, decidiu realizar uma reunião com o Treinador José Carlos Júnior “Júnior Cabeleira”, para tentar reverter o pedido de dispensa do técnico.

O pedido de dispensa do treinador se deu, após o jogo contra a seleção de Bannach em Xinguara no último sábado, o motivo pelo qual Júnior decidiu sair, foi pelo fato de alguns jogadores e alguns membros de sua comissão técnica, estarem tomando cerveja horas antes do jogo, além de estar bebendo, postaram fotos no grupo de WhatsApp da seleção, não se sabe o porque, mas mesmo assim os jogadores foram relacionados e alguns foram titulares na partida.

Na reunião presidida por Nilton Abreu Moreira, vice-presidente da Liga e secretario de esporte do município, com participação da comissão técnica, Júnior foi convencido e decidiu permanecer no comando da seleção. A decisão de permanência só veio após o treinador colocar suas condições, uma delas, foi à convocação de outra reunião com os envolvidos no episodio da cerveja, que, foi realizada no mesmo dia. “Reunimos com os envolvidos e deixamos claro que, o que aconteceu não volte a se repetir, não vou mais tolerar esse tipo de situação, em relação a minha permanência a frente da seleção, será pela consideração que tenho pelo Nilton Abreu”, afirmou Júnior Cabeleira.

Nossa reportagem falou com Nilton Abreu e ele disse que esta tudo resolvido. “Para o bom andamento da seleção e do nosso futebol, nos reunimos para resolver a situação da melhor forma possível, sabemos que não há grupo 100%, mas precisamos ser inteligente para lidar com cada situação, sabemos da capacidade do Júnior, como sabemos também da capacidade de todo grupo, errar é do ser humano, só que, esperamos que o mesmo erro não se repita, o Júnior Cabeleira continua sendo o treinador da nossa seleção e tem carta branca para tomar toda e qualquer decisão relacionada à seleção, decidimos acabar com o grupo de WhatsApp da seleção para o bom andamento da competição”, disse Nilton Abreu.

O próximo duelo de Xinguara é em casa, contra a seleção de Rio Maria, no próximo sábado, às 19 horas no Estádio J. Santos.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo