Três dos sete presos que fugiram da DEPOL de Xinguara foram recapturados, um em Tucumã e dois em Sapucaia

Na quarta-feira, 23, mais um fugitivo da Delegacia de Polícia de Xinguara foi recapturado pela Polícia Civil de Tucumã. Jacson da Paz Romão que tinha fugido no último domingo, 20, na companhia de outros seis presos. Jacson estava na Delegacia de Xinguara, mas era preso de Justiça e estava custodiado em uma penitenciária de Belém, em Xinguara, aguardava audiência na Justiça local.

Romão é detentor de uma fixa criminal bastante extensa, onde consta assalto a mão armada, furtos, roubos e homicídios. Segundo informações não é a primeira vez que ele foge da prisão, Jacson já havia fugido da Delegacia de Tucumã no ano de 2018.

No inicio da noite do último domingo ele conseguiu fugir na companhia dos companheiros cela, ele: Eduardo da Costa Soares, Antônio Mário da Silva Ferreira, Paulo César Ferreira Soares, Abidaim Lima de Freitas, Rafael Júnior Soares e o homicida Janes Cleiton Gonçalves da Silva.

Após uma criteriosa investigação realizada por policiais civis de Tucumã Jacson foi descoberto escondido na periferia da cidade. No momento do cerco policial Romão estava armado com revólver e, ao perceber a movimentação da Polícia, ele tentou de fugir para não ser preso novamente, mais não teve sucesso na fuga e foi pego. Jacson Romão depois de estar sob custodia da Polícia, desafiou o Sistema Prisional. Disse ele sou “Cavalo de Tróia” e, se eu tiver outra oportunidade vou fugir novamente, não ficarei preso.

Janes Cleiton Gonçalves da Silva

Dois foram recapturados em operação conjunta da Polícia Militar

Abdaim Freitas de Lima

e Civil da cidade de Sapucaia na manhã de terça-feira, 22, Janes Cleiton Gonçalves da Silva, foi preso no momento em que tomava bebida alcoólica em um bar, ele é acusado de matar um homossexual em Xinguara. Abdaim Freitas de Lima, acusado de furto e roubo, foi surpreendido e preso na casa de seus pais onde estava escondido.

Dos fugitivos, o primeiro a voltar para a cadeia foi Rafael Júnior Soares, ele fez contato com seu advogado e disse ter se arrependido e queria se entregar. O advogado comunicou ao delegado de Xinguara Max Muller, do arrependimento de seu cliente e após passar pelo Fórum da Comarca, onde Rafael foi ouvido pelo Juiz, ele se apresentou na DEPOL, acompanhado de advogado.

Estão sendo procurados pela Polícia, três foragidos, são eles: Eduardo da Costa Soares, Antônio Mário da Silva Ferreira e Paulo César Ferreira Soares. A Polícia continua fazendo diligencias na tentativa de recapturar o restante dos presos fujão.

(Com informações das Polícias Civil e Militar)

SEM COMENTÁRIO