Polícia

Xinguara: Homem é preso por estupro de vulnerável

Camilo Nonato (Acusado de estupro a vulnerável)
Camilo Nonato (Acusado de estupro a vulnerável)

A Polícia Militar do Distrito Canadá no município de água Azul do Norte, sob o comando do SGT/PA Rogério prendeu em delito flagrante o senhor Camilo Nonato da Costa de 62 anos de idade. Camilo foi detido na última quinta-feira (31), após uma denuncia de estupro a vulnerável, contra uma menina de apenas nove anos de idade.

Após a prisão, Camilo foi encaminhado e apresentado na Delegacia de Polícia Civil de Xinguara, para o Delegado de plantão, Dr. Francisco Eli tomar as providencias cabíveis nesse caso.

Segundo informações, Camilo Nonato ao ver a criança passar na Rua acompanhou a menor dizendo que amava e começou a pegar nas partes genitais da mesma. A Polícia foi acionada por uma tia da menor que presenciou o delito. Aclerson Estevão IPC, em entrevista disse que Camilo trabalha em uma Escola no Distrito de Canadá e já é costumais em bolinha em crianças e senhoras. Segundo o investigador Aclerson, Camilo negou as acusações de ter pegado nas partes genitais da criança, mas confessou que disse sim que amava a menina, mas como pai.

Por lei, se alguém pegar em partes genitais de uma criança é considerado estupro de vulnerável, por isso vai ser lavrado o inquérito flagrancial contra Camilo Nonato e ele vai ficar recolhido no xadrez da Delegacia de Xinguara a disposição da justiça. Declarou Aclerson Estevão investigador da Polícia Civil de Xinguara.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar