XINGUARA: Secretária de Saúde cria projeto para incentivar gravidas a seguir a risca o pré-natal

O pré-natal é a assistência na área da enfermagem e da medicina prestado à gestante durante os nove meses de gravidez, visando melhorar e evitar problemas para a mãe e a criança durante a gestação e no momento do parto. Para incentivar as gestantes do município de Xinguara, a secretaria de saúde Janaína Pereira cria um projeto que visa melhor os aspectos na saúde da mãe e da criança.

Projeto “Retrato de Amor”:

Para acrescentar nos cuidados especiais que já existe com a saúde das gestantes, o projeto Retrato de Amor vai presentear gravidas que fazem acompanhamento na rede municipal de saúde, inclusive as da zona rural. Para participar do projeto é simples, basta que, as gestantes deem início ao pré-natal em qualquer uma das unidades básicas do município até o primeiro trimestre de gravidez, dai para frente comparecer em todas as consultas do pré-natal, manter a caderneta de vacinação atualizada, participar das atividades educativas promovidas pelas unidades e realizar todos os exames de rotina incluindo os testes rápidos.

Aquelas gravidas que preencherem todos os requisitos vão poder participar de um sorteio, onde será selecionada uma por unidade, somando 11 gravidas todo mês, que, começou em junho, as contempladas vão ganhar um ensaio fotográfico profissional. Para a gestante que sonha em registrar os momentos de sua gravidez, a oportunidade é agora, participe do projeto e garanta o seu Retrato de Amor.

Aconselhamento Pré-Natal

É a avaliação do médico obstetra, na qual são observados o desenvolvimento do feto e a saúde da mãe. Esse acompanhamento envolve o diagnóstico de eventuais enfermidades e a orientação correta à gestante.

São registradas informações importantes para a saúde do bebê e da gestante. Veja quais são:

  • Data da última menstruação (DUM);
  • Data provável do parto (DPP);
  • Número de semanas de gestação;
  • Frequência cardíaca do bebê;
  • Altura uterina;
  • Tipo sanguíneo e fator RH;
  • Peso e pressão arterial;
  • Presença ou não de inchaço;
  • Resultado de exames de rotina e outros;
  • Medicamentos receitados;
  • Vacinas aplicadas.

As consultas do pré-natal devem seguir uma periodicidade. Geralmente, a visita ao médico deverá ser mensal até o sétimo mês de gestação. Depois da trigésima semana, a consulta é indicada a cada quinze dias e no último mês de gravidez, recomenda-se que seja realizada semanalmente.

Essa periodicidade pode variar de acordo com a saúde da paciente e com as orientações médicas.

EXAMES

No aconselhamento são solicitados exames primordiais para o acompanhamento da gravidez.
Os mais solicitados são:

  • Papanicolau;
  • Exame de sangue;
  • Exame de Urina;
  • Exame de Fezes;
  • Ultrassonografia (a partir da 6ª semana de gestação);
  • Exame obstétrico.

No exame obstétrico, é realizada palpação dos contornos fetais entre as contrações para verificar a posição do bebê. Nele também são medidas a altura uterina, a circunferência abdominal e os batimentos cardíacos da gestante e do bebê.

Fontes: Dr. Sergio dos Passos Ramos CRM17.178 – SP

SEM COMENTÁRIO